Grumatã - Um peixe da Lagoa dos Patos

O Grumatã é originário da América do Sul mais especificamente no Sul do Brasil, por causa do clima da região e por ser um peixe muito resistente ao frio.
Alimenta-se de resíduos orgânicos em decomposição no fundo dos lagos e lagoas, desenvolvendo-se 1,3 kg ao ano e podendo chegar a pesar 5 kg.
Em algumas regiões, o grumatã é cultivado em tanques e depois de atingir um determinado tamanho é colocado em lagos artificiais (pesque-pagues) onde é muito procurado pelos adeptos da pesca esportiva.
Ele também é muito utilizado para consumo em algumas regiões do país.

Aqui na Lagoa dos Patos ele não tem valor econômico ena maioria das vezes é descartado pelos pescadores. Além de causar danos aos pescadores por causa das serilhas que possui na parte da barriga que cortam as redes e também por ter muitos espinhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário e/ou dúvida que responderei o mais breve possível.

Postar um comentário